Mobilizadas desde o início da pandemia com ações de combate ao coronavírus no Amazonas, entidades da indústria nacional e do estado criaram a Ação Social Integrada do Polo Industrial de Manaus (PIM), hoje, (26), homenageada em sessão especial realizada no SESI Clube do Trabalhador pela Federação das Indústrias do Estado Amazonas (FIEAM) e o Centro da Indústria do Estado do Amazonas (CIEAM).

Voluntário, o comitê realiza atividades para identificar prioridades, desenvolver e coordenar ações de apoio às instituições do setor de saúde, no suprimento de equipamentos de proteção individual (EPIs) e outros insumos urgentes para os profissionais da área, além de desenvolver e coordenar a implementação de projetos assistenciais com foco na arrecadação e provimento de cestas básicas e itens de primeira necessidade para a população em situação de vulnerabilidade social.

“Hoje estamos trazendo essa homenagem para aqueles que perseveraram e que continuam acreditando em fazer o bem, sem personificação em uma atividade inteiramente voluntária”, disse o presidente do CIEAM, Wilson Périco.

A Ação Social Integrada do PIM arrecadou e entregou até o momento de 105.795 kg de alimentos recebidos, 89.475 kg de alimentos doados para 64 instituições atendidas em 14 municípios. Além disso, o comitê também realizou a doação de 72 mil m² Oxigênio, R$ 61.715,00 em equipamentos hospitalares, 17 mil máscaras descartáveis e Face Shields, 3.050 lanches e sucos doados nos hospitais, 5.400 unidades de água mineral, 8.100 unidades de álcool em gel e 30.384 unidades de sabonetes doados.

Para enfrentar os impactos da pandemia de Covid-19 no estado, o comitê envolvendo empresas e sindicatos do setor no estado liderados pela FIEAM, CIEAM, Associação Nacional de Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos (Eletros) e Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), atendeu os municípios de Anori (Coxuarda), Boca do Acre, Eirunepé, Envira, Guajará Mirim, Ipixuna, Iranduba, Itacoatiara, Itamarati, Manacapuru, Pauini, Santa Isabel do Rio Negro, Tefé, além das instituições, abrigos e comunidades localizados em Manaus.

“Quero agradecer a todos e entregar esse buque de rosas para a Régia Moreira pelo trabalho magnífico que tem feito na coordenadoria dessa Ação Solidária que o Sistema Indústria tem feito em prol daqueles necessitados”, ressaltou o presidente da FIEAM, Antonio Silva.

Placas aos homenageados

A homenagem aos membros do comitê, pelos relevantes serviços prestados e resultados obtidos ao longo dos meses de combate aos efeitos da covid-19 na população amazonense, distinguiu a coordenadora da Ação, Régia Moreira, e os demais membros integrantes do grupo representantes da FIEAM, Nelson Azevedo e Paulo Pereira, e do CIEAM, Luiz Augusto Rocha, Lúcio Flávio Oliveira, Ronaldo Mota, Fabíola Abess, Alfredo Lopes e Saleh Hamdeh.

“Gostaria de agradecer pela confiança das entidades por terem me presenteado com a coordenação dessa Ação Social Integrada. O trabalho, juntamente a este projeto gigante de solidariedade, só me fez crescer como ser humano a cada nova doação realizada, a cada sorriso e mensagens de agradecimento das famílias ao longo dos municípios. O valor é inestimável”, relatou a coordenadora da Ação e homenageada, Régia Moreira.

Placas em agradecimento foram entregues também para os integrantes da Ação representantes da Coimpa, Jeanete Portela e Moisés Ferreira; Eletrolux, Hamzah Ahmad Nasser; Yamaha, Anderson Chaves e da Câmara Nipo, Iuquio Ashibe.

Também receberam homenagens, in memorian, os empresários Celso Piacentini e Stanley Benzecry, representados na ocasião pelos filhos dos homenageados Danilo Piacentini e Rubens Benzecry, respectivamente. Ambos foram dedicados membros da ação solidária empresarial.