Trabalho sério e integrado vai ser imprescindível para o novo superintendente da Suframa, General Antônio Polsin, aumentar a sinergia com os demais estados da Amazônia Ocidental e do Amapá para buscar as melhores condições para o desenvolvimento regional com as utilizações de recursos sustentáveis e produtivos que são feitos aqui.

O General tomou posse na tarde desta quarta-feira (17), por meio de videoconferência realizada através de um canal da Superintendência da Zona Franca de Manaus na internet. As medidas de segurança por conta da pandemia da Covid-19 foram tomadas e respeitadas durante a posse de Polsin.

Ele declarou durante discurso que assume o cargo, que era do coronel Alfredo Menezes, com muita alegria por ter encontrado uma equipe pronta para trabalhar e que tem os mesmos pensamentos que ele para continuar mantendo a Zona Franca de Manaus no protagonismo da economia do Brasil.

Além disso, Polsin disse que uma das principais metas dele à frente da autarquia será trazer benefício para a população local, gerando emprego e renda. “Cuidar do Meio Ambiente de forma responsável é a minha intenção, preservar os interesses do modelo Zona Franca de Manaus, particularmente no que refere aos seus incentivos, buscando sempre seu aperfeiçoamento. Sem descuidar do setor industrial atual, e investir na diversificação”, disse.

O Secretário Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, Carlos Da Costa, participou da reunião e declarou apoio total ao novo superintendente. “Vamos continuar trabalhando bastante, para continuar gerando emprego e renda aos amazônidas. A marca a Amazônia é de um valor inestimável no mundo inteiro, e desejamos que essa marca seja conhecida e reconhecida pelas coisas que essa população fantástica é capaz de fazer”, comentou.

O Governador Wilson Lima também manifestou suas falas e disse que é preciso dar continuidade ao bom trabalho que já vinha sendo feito na função social e ambiental, porque no momento em que se tem emprego e renda a pressão sobre os recursos naturais é evitada. “Pra que isso efetivamente aconteça ainda temos muitas palavras pela frente, temos a necessidade de manter e competitividade das empresas do estado do Amazonas para que  permanência delas aqui possa ser sustentável e atrair novos empreendimentos para o Estado do Amazonas”, falou Lima.

Por fim o superintendente agradeceu aos apoios dados a ele nessa nova empreitada. A assessoria de imprensa da Superintendência da Zona Franca de Manaus disse que uma coletiva de imprensa será marcada com Polsin, onde o mesmo vai poder falar mais sobre os projetos e ideias que botará m prática para melhorias dos trabalhos no Polo Industrial de Manaus.