Neste momento de retomada da economia, o Sindicato do Comércio Varejista no Estado do Amazonas (Sindivarejista AM) e o Sindicato dos Empregados no Comércio de Manaus, após várias rodadas de negociação, assinaram Convenção Coletiva dos Comerciários para o biênio 2021/2023, com vigência a partir de 1 de setembro deste ano.

Para o período de 1/9/2021 a 31/8/2022, o piso da categoria foi aumentado para R$ 1.210,00, a correção salarial para os salários acima do piso em 4,7% e o vale-alimentação para R$ 13,30, permanecendo inalteradas as demais cláusulas da Convenção vigente até 31 de agosto de 2021.

O presidente do Sindivarejista AM, Teófilo Gomes, ressaltou as dificuldades enfrentadas pelo comércio nas duas ondas da pandemia e agradeceu a compreensão do Sindicato dos Empregados no Comércio de Manaus, que aceitou cláusulas econômicas com um reajuste menor do que a inflação. “Tivemos longas reuniões, onde procuramos mostrar à presidente do sindicato laboral Sra. Ana Marlene Arguelles, as imensas dificuldades que o varejo sofreu em 2020 e 2021, quando inúmeras empresas faliram e as que sobreviveram ficaram totalmente descapitalizadas pelo longo tempo fechadas, aproximadamente 180 dias. Preocupada com o emprego e renda dos comerciários, ela concordou com as nossas argumentações. Agradecemos sinceramente a compreensão”, destacou o presidente dos patronais.