Durante a realização da 240ª Reunião Ordinária do Centro da Indústria do Estado do Amazonas (Cieam), nesta quarta-feira (29), o presidente da entidade, Wilson Périco, agradeceu à Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), representada pelo seu titular, Alfredo Menezes, pelas ações postas em prática pela Autarquia em 2019 visando ao fortalecimento do modelo Zona Franca de Manaus (ZFM) e à busca pela manutenção dos diferenciais comparativos da região em prol da competitividade da indústria regional e dos índices de geração de empregos e investimentos produtivos no Brasil.

Conforme destacou Périco, a Suframa, por meio do superintendente Menezes, “conseguiu articular para trazer, em duas oportunidades, o presidente da República, Jair Bolsonaro, para discutir aqui no Estado assuntos importantes para a região, para o País. Isso reforça o protagonismo da Autarquia e o seu compromisso de defender a Zona Franca de Manaus e colocar a região em evidência. Este tipo de iniciativa demonstra o reconhecimento do atual governo federal para com a importância desta região. Vale recordar que, em outros momentos, muitas vezes nem o ministro que presidia o Conselho de Administração da Suframa (CAS) vinha à Manaus”.

Durante a reunião, o superintendente da Suframa abordou alguns resultados alcançados ao longo do primeiro ano de sua gestão frente à Autarquia, a ser completada em fevereiro. Segundo ele, apesar dos desafios comuns ao cargo, muito do que foi proposto a ser realizado na Suframa ocorreu como esperado. “Você pegar uma estrutura como a da Suframa e fazer funcionar, abrir um canal de comunicação com o Ministério da Economia e restaurar a credibilidade institucional, que outrora havia alguma desconfiança, projetar a Zona Franca (de Manaus) para fora, ações de regularização fundiária… essa visão macro é importante, afinal o PIM é responsável por 82% do PIB do estado”, disse.

Menezes aproveitou a oportunidade e informou que pretende fazer uma reestruturação interna – cuja proposta está sendo desenvolvida – em conjunto com os servidores da Suframa, para otimizar o trabalho realizado e os serviços prestados à sociedade. “Queremos tecnologia. Que todos os sistemas que vocês estão acostumados a utilizar possam ‘voar baixo’. Isso vai melhorar a governança e minimizar eventuais tentativas de desvios”, comentou.

PROMOÇÃO DA ZFM

A reunião teve, ainda, a exposição da proposta de fortalecimento da divulgação do modelo Zona Franca de Manaus para a sociedade, com foco no público regional e, também, nacional. A iniciativa tem por objetivo ampliar o conhecimento acerca dos benefícios que a ZFM promove na Amazônia Ocidental e no Amapá (sua área de abrangência) e, também, por todo o País.

Além do presidente do Cieam e do superintendente da Suframa, a reunião contou com a participação do vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), Nelson Azevedo, do presidente da Associação Nacional de Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos (Eletros), José Jorge do Nascimento Júnior, e de empresários associados ao Cieam.