O projeto Diálogos Amazônicos, promovido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), realiza sua segunda edição no dia 22 de fevereiro. Com o objetivo de provocar um debate de alto nível de grandes temas envolvendo o Amazonas com a agenda global, o evento vai discutir as propostas para promover a reforma tributária e sua importância para o desenvolvimento socioeconômico sustentável da Amazônia.

Com o apoio da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – Abraciclo, em parceria com o CIEAM (Centro da Indústria do Estado do Amazonas), FIEAM (Federação das Indústrias do Estado do Amazonas e ELETROS (Associação Nacional dos Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos), o encontro ocorre a partir das 19h (horário de Brasília), no canal do YouTube da FGV, e tem transmissão ao vivo e aberta a todos os interessados.

Reforma tributária no contexto da Zona Franca de Manaus

Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo enfatiza que as companhias precisam de segurança para se manter competitivas e para que sigam investindo em suas plantas no Brasil.

“É preciso conhecer a Amazônia, em primeiro lugar, e sua importância para o País para discutir a reforma tributária no contexto da Zona Franca de Manaus. Isso é fundamental para que os incentivos da região não sejam afetados sem a devida análise. O Parque Industrial da região, altamente avançado e com processos produtivos de última geração, é resultado dos investimentos das empresas, que geram postos de trabalho e colaboram para garantir o desenvolvimento sustentável da região”, afirma Fermanian.

Os convidados para debater o tema “Reforma Tributária e Desenvolvimento na Amazônia” são Vanessa Canado (assessora especial no ministério da Economia e professora no Insper), Everardo Maciel (ex-secretário da Receita Federal) e Adriana Fernandes (jornalista e colunista do jornal O Estado de S. Paulo). Juntos eles irão comentar sobre questões como tributação e meio ambiente, além de propor ideias para incentivar o desenvolvimento de uma economia limpa e sustentável.

Primeiro evento

O tema da primeira reunião do “Diálogos Amazônicos” foi “Potenciais da Bioeconomia na Amazônia”. Realizado no dia 8 de fevereiro, contou com as participações de Roberto Rodrigues (ex-ministro da Agricultura e uma das mais importantes personalidades do mundo do agronegócio), Izabella Teixeira (ex-ministra do Meio Ambiente e co-presidente do Painel de Recursos Naturais da ONU) e Daniela Chiaretti (repórter especial da editoria de Ambiente, do jornal Valor Econômico).

Serviço: Para saber mais e se inscrever, acesse o link:

Dia 22 – Reforma Tributária e Desenvolvimento na Amazônia –  http://bit.ly/DA_2202