O Polo Industrial de Manaus aprendeu a fabricar e doar EPIs e outros itens de combate à Covid-19, e a mobilizar a solidariedade para fazer fazer chegar a comida na mesa de populações em estado de vulnerabilidade social. “Aprendemos também a trabalhar em conjunto, uma fábrica de soluções que sempre esteve a nosso alcance e, diante das dificuldades, fomos empurrados a instalar”, ressaltou o presidente do Conselho Superior do CIEAM, empresário Luiz Augusto Barreto Rocha.

O Comitê Indústria ZFM Covid-19, apresentou em sua 11ª Conferência nesta segunda-feira, 2 de junho, um novo fruto, entre tantos, o GT-ZFM AÇÕES PÓS PANDEMIA, que está reunindo uma composição de pensadores do mais alto nível e lideranças empresariais qualificadas no Programa Zona Franca de Manaus, sob a coordenação de Marcílio Junqueira, líder empresarial icônico do Amazonas.

O Grupo de Trabalho já parte de uma agenda oriunda do Painel de Sugestões coletado nas reuniões semanais e vai se debruçar sobre uma agenda que vai debater o novo normal de nossa economia, repassar nossos gargalos e oportunidades, para assegurar maior competitividade, adensamento produtivo e tecnológico do Polo Industrial de Manaus, buscando assegurar, mais que o enfrentamento das questões PÓS COVID-19, uma demonstração ao país que o Brasil tem um Norte, para contribuir e se integrar.